Marte: a arquitetura inusitada dos Emirados Árabes


Os Emirados Árabes são conhecidos no mundo pela suntuosidade de sua arquitetura e pela ousadia de seus projetos. Este que vamos apresentar é, literalmente, de outro mundo. Fruto do desempenho de cientistas, engenheiros e designers do Centro Espacial Mohammed bin Rashid, o governo dos Emirados Árabes Unidos lançamento o projeto Mars Science City.

A ideia é criar uma cidade que simule uma possível ocupação humana na superfície de marte. Segundo eles, a cidade servirá como um modelo viável e realista desta ocupação e contará com complexos de laboratórios para estudos científicos e um museu, aberto ao público para visitação, que contará a histórias das maiores conquistas científicas dos homens.

A Mars Science City, que será desenvolvida dentro de uma cúpula de 500 mil m², será a maior cidade de simulação espacial já construída na terra. Aos designers coube a função de trazer para o planeta terra a imagem de Marte. Mas a cidade não é para brincadeira. O objetivo do projeto é possibilitar o desenvolvimento de pesquisas de estratégias de construção e de vida sob níveis específicos de calor e radiação encontrados no planeta Marte.

Dentro da Mars Science City a vida do dia-a-dia também será possível, já que o projeto inclui restaurantes, escolas e locais para moradia que serão ocupados pelos cientistas e suas famílias – tudo isto com as temperaturas próximas das sentidas em marte.  E o projeto não foi anunciado sem razão. Faz parte de um plano ainda mais grandioso anunciado pelo primeiro-ministro dos Emirados Árabes, o sheike Mohammed bin Rashid Al Maktoum, durante a 5ª Cúpula do Governo Mundial no início deste ano de que seu país pretende construir uma segunda ‘Dubai’  em Marte até 2117. Ousado, não?

Reprodução de Dubai em Marte

Deixe uma resposta

cinco + três =