Design im(prático)

Para aqueles que acreditam que estética nem sempre se associa à praticidade, Katerina Kamprani veio para confirmar esta ideia. Katerina é uma designer grega, precisamente de Atenas, que decidiu criar um design feito para, literalmente, incomodar.

O projeto, batizado de The Uncomfortable (o inconfortável), foi criado pela ateniense em 2011 e continua sendo desenvolvido por ela.  “Meu objetivo é desconstruir a linguagem de um design prático e distorcer suas propriedades fundamentais pensando em surpreender e despertar bons risos”, explica a designer em seu site.

A complexidade e a interação do público com os objetos simples que nos rodeiam, mas que nas mãos de Katerina se transformam, faz com que seu design se torne também arte – algo que não é exclusivo dela, já que estes dois campos se mesclam com certa frequência.

Os objetos inconfortáveis são peças simples do nosso dia-a-dia reconstruídos de forma pouco (ou nada) usual. Em outras palavras, são peças que não podem ser usada para as funções que deveriam desempenhar.

De início, a designer criava os objetos em projetos gráficos 3D, mas com o passar do tempo passou a tridimencionaliza-los: uma cadeira em que não se pode sentar, uma taça na qual não se pode beber e um guarda-chuvas que não pode ser usado para fugir da chuva. Tudo com muito humor.

Imagens: Divulgação

Deixe uma resposta

3 × quatro =